Câmeras de segurança mostram ação de bandidos em cidade alvo do ‘novo cangaço’, no Mato Grosso

Nova Bandeirantes, em Mato Grosso, a mil quilômetros de Cuiabá, na direção da Amazônia. Todo mundo se conhece. De repente, gente estranha à cidade começou a ser vista em uma loja de conveniência, em uma loja de pneus…E um dia a calmaria em Nova Bandeirantes foi roubada.

A reportagem em vídeo mostra que a sequência da ação foi filmada por câmeras dos caixas eletrônicos. A câmera na calçada de um banco gravou a chegada dos bandidos. Cinco deles pulam da caminhonete, armados, apontando em todas as direções. Dá para ver que um deles fica na porta. O grupo atira na porta de vidro que leva ao espaço principal da agência e invade o lugar. À esquerda do vídeo, um pedestre vira refém.

“Eu pensei em tentar correr, mas era muita pressão em cima. ‘Venha, venha, venha. Eu vou atirar’. Mandaram eu tirar a camiseta, eu fui tirando a camiseta e fui a caminho ali da instituição onde me fizeram de escudo humano’, conta um morador.

LEIA TAMBÉM

Prefeito de Nova Bandeirantes afirma que já pediu ao governo estadual reforço na segurança da cidade
De onde vêm armas, munições e explosivos usados por quadrilhas do ‘novo cangaço’ em ataques recentes a bancos no Brasil?

As buscas a pé pelos bandidos duraram 58 dias; R$573 mil foram recuperados de cerca de R$ 800 mil roubados. Doze armas e 13 carros foram apreendidos. O inquérito foi concluído na semana passada. No total, 22 homens participaram do que está sendo chamado de o maior assalto da história de Mato Grosso: cinco estão presos e quatro, foragidos. Outros quatro vão responder em liberdade.

Nove morreram nos confrontos com a polícia. A cidadezinha de 15 mil moradores voltou ao ritmo de antes. Veja toda a ação dos bandidos e o relato dos moradores no vídeo acima.